Notícias

Justiça Eleitoral


Ministros substitutos do TSE terão gabinete próprio



O pleno do TSE aprovou nesta quinta-feira, 8, resolução que estrutura organicamente o Tribunal. A novidade é que, a partir de agora, os ministros substitutos passarão a contar com a estrutura de um gabinete físico, com assessoria.

Como explicou o novo presidente da Corte, ministro Luiz Fux, haverá um juiz que será ouvidor e encabeçará a orientação do gabinete dos novos ministros substitutos. Segundo Fux, trata-se de reivindicação antiga dos ministros substitutos.

 

 

 

Esta matéria foi colocada no ar originalmente em 8 de fevereiro de 2018.
ISSN 1983-392X

Fonte: Migalhas - www.migalhas.com.br